Terno preto é o preferido para entrevistas de emprego; saiba como se vestir

Para não errar, combine o costume preto com camisa branca e gravata em tons de preto, cinza ou prata. O sapato de amarrar preto de couro completa o conjunto

As sugestões para se sair bem numa entrevista de emprego não são poucas: currículo atualizado, ser claro e objetivo nas respostas, procurar saber sobre o tipo de trabalho que vai exercer, conhecer a cultura da empresa. Todavia, muitos candidatos esquecem que a apresentação pessoal também pesa na hora de escolher um novo empregado.

“A roupa não é o principal fator em uma entrevista, porém uma boa apresentação conta pontos. Uma camisa bem passada, um sapato engraxado e outros detalhes ajudam a causar uma boa impressão ao entrevistador. Cuidados como barba bem-feita e unhas aparadas também ajudam no marketing pessoal inicial”, avalia Caio Infante, diretor da área de novos negócios e marketing da Fellipelli, empresa especializada em treinamento e desenvolvimento humano.
Vá para a entrevista vestindo terno ou roupas clássicas
Muitos especialistas recomendam o uso de traje formal para uma entrevista de emprego. Será que isso também vale para as empresas informais? Na avaliação de Caio Infante, “em ambientes mais descontraídos, como agências de propaganda e empresas de internet, uma roupa mais casual na hora da entrevista é comum, pois faz parte do dia a dia da empresa. Já em bancos ou escritórios de advocacia, a formalidade do terno e gravata ainda prevalece”.

“O ideal é que o profissional pesquise e identifique o perfil da empresa antes da entrevista. Como nem sempre é possível chegar a este nível de conhecimento antes de ir até a organização, é indicado o uso do terno e gravata por ser mais usual. Mesmo que seja uma empresa menos conservadora e que no dia a dia de trabalho não seja exigido este tipo de traje, entende-se que na entrevista o profissional use roupas mais conservadoras”, explica Daniella Correa, consultora de RH da Catho Online, site de classificados de currículos e vagas de emprego.
Pesquisa revela que recrutadores preferem candidatos com terno preto
Segundo a pesquisa “A Contratação, a Demissão e a Carreira dos Executivos Brasileiros”, realizada pela Catho Online, 46,1% dos recrutadores preferem os candidatos masculinos com terno preto. O dado mostra uma significativa mudança nos últimos anos. Em 2005, 44% dos entrevistadores preferiam os concorrentes que usavam terno azul-marinho. A mudança ocorreu em 2009, quando o terno preto passou à frente com a preferência de mais 45%.

A cor preta transmite uma imagem de autoridade e poder, qualidades exigidas para executivos. No entanto, o uso excessivo desta cor pode dar a impressão de prepotência. Apesar de não ser uma cor muito favorável ao nosso clima, os homens brasileiros aderiram ao uso por diferentes razões, como ser considerado elegante, por afinar a silhueta e pela sua difusão em filmes de sucesso como “Homens de Preto”. Sem contar que o estilista Hedi Slimane promoveu uma renovação do terno preto durante sua passagem pela Dior Homme, entre 2001 e 2007, com a proposta de um caimento mais próximo do corpo, que virou tendência internacional. Vale lembrar que o traje formal nesta cor, ao contrário do que se possa pensar, deve ser bem cortado e estar na medida certa de quem o veste, porque as imperfeições ficam mais visíveis.
Homens de cabelo curto e sem barba e bigode levam vantagem
Um dado interessante dessa pesquisa é que 93,5% dos responsáveis pelo recrutamento e entrevistas de emprego preferem homens de cabelo curto e 81,9% optam pelos candidatos sem barba e nem bigode. Mesmo que estes números apresentem um pequeno decréscimo nos últimos seis anos, ao que tudo indica, é melhor cortar o cabelo e raspar a barba, mesmo que você a cultive há anos.

SAIBA O QUE USAR OU EVITAR

CERTO ERRADO
1. Invista no estilo clássico, em especial nos costumes (paletó e calça) nas cores pretas ou azul-marinho; 1. Deixe de lado os tons fortes e/ou extravagantes, como amarelo ovo, verde musgo;
2. Opte pela camisa branca, azul, rosa, marfim, gelo, cinza; 2. Não apareça com camiseta, principalmente de times, de bandas, com dizeres políticos ou piadas;
3. Prefira a gravata regimental (listras na diagonal), de bolinhas com fundo preto ou azul-marinho, e as com desenho amarelo ou vinho; 3. Evite as roupas com estampa xadrez em geral, combinações de estampas como listra e xadrez ou muito largas;
4. Use sapato, meias e cinto em preto; 4. Tecidos brilhantes ou flanela não combinam com o ambiente de trabalho de maneira geral;
5. Tons neutros em geral, como azul escuro, preto, branco, transmitem mais seriedade e sobriedade. 5. Corte do figurino roupas e acessórios casuais como jeans rasgado, bermuda, boné e tênis.
Ricardo Oliveros
Do UOL, em São Paulo

Veja mais fotos e dicas no site:

Deixe uma Resposta

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s